sexta-feira, 2 de julho de 2010

[...] me julgue;


~ Me julgue, e eu vou provar que você está errado.
me diga o que fazer e eu vou te repreender.
me diga que eu não estou fazendo valer a pena e me assista terminar.
me chame de vadia e eu vou te mostrar uma.
me ferre e eu vou te ferrar em dobro e pior.
me chame de louca, mas você realmente não tem idéia do quanto!

Nenhum comentário:

Postar um comentário